O touro solitário de Bragança Paulista

Outrora um nômade nos clubes de São Paulo, Claudinho foi incorporado pelo Bragantino em 2019 oriundo do Red Bull Brasil, após o Massa Bruta fechar parceria com a megaempresa austríaca de energéticos, Red Bull, e ceder o controle do futebol para a mesma.

Desde a sua chegada, o camisa 10 colecionou dois títulos com a camisa do clube de Bragança Paulista, grandes atuações e golaços… sua marca registrada. Após ter iniciado a sua formação no Santos e ser revelado pelo Corinthians, o meia-atacante nunca obteve mais do que cinco minutos a serviço do clube, e foi a partir daí que o baixinho criativo de 1,73m iniciou a sua caminhada no futebol: passou por Bragantino, Santo André, Ponte Preta, Red Bull Brasil e Oeste, até retornar ao Toro Loko no ano passado e ser cedido posteriormente ao Braga, dessa vez já sob os cuidados da marca estrangeira.

Claudinho de volta? Destaque da Série B revela interesse e fala sobre  possibilidade - É o Time do Povo - Notícias do Corinthians
Claudinho nos tempos de Corinthians | Reprodução

Após um início cambaleante na Série B, Claudinho deu a volta por cima e passou a ser figurinha carimbada nas escalações do time de Antônio Carlos Zago, mostrando ter adquirido experiência em suas estadias nas demais agremiações para se tornar peça chave e o maior garçom da competição com 9 assistências, naquele time que terminaria o Brasileirão da Série B como campeão.

Estilo de jogo

Atacante nos tempos de base, sua mobilidade no último terço do gramado, sua técnica apurada e seu controle de bola lhe permitiram ser útil em mais setores do campo, sobretudo quando o assunto é criar jogadas. É comum vê-lo se movimentando desde o lado esquerdo do gramado para posições mais centralizadas, entre as linhas de marcação adversárias. Desse modo, ele pode enxergar o jogo de frente e gerar ocasiões através de um lançamento ou um toque para um colega melhor colocado, do mesmo modo em que pode ocupar espaços vazios e gerar opções de passe para seus companheiros.

Sob olhares e pressões dos adversários, Claudinho, que é ambidestro, possui facilidade para criar lances “do nada”, algo bastante utilizado por ele e que se inicia desde a recepção da bola, que é feita normalmente com o seu pé esquerdo e direcionada em questão de segundos com o direito, o seu pé “bom”. Seu jogo de corpo faz com que seus movimentos também sejam difíceis de serem previstos e, portanto, marcados. Em todo caso, apesar de se tratar do cérebro do time, seu jogo busca a simplicidade, ou melhor, busca atingir os objetivos de maneiras curtas, mesmo que pra isso suas ações precisem ser elaboradas de magicamente, como foi o seu gol marcado diante do Flamengo pela 16ª rodada do Brasileirão de 2020:

Em um video podemos ver toda a classe e técnica do camisa 10 do Massa Bruta: com um toque de primeira de calcanhar ele é capaz de deslocar a marcação enquanto o receptor do passe lança Alerrandro para o espaço vazio, que devolve para Claudinho, que com um recebimento perfeito carrega a bola no ar até a hora do remate. Golaço. Mais um.

Claudinho pode criar muitas oportunidades para si ou para seus companheiros utilizando de sua movimentação ao sair da ponta-esquerda e carregar a bola até o centro do ataque. Não a toa, 63% dos seus remates vieram da posição centro-esquerda do meio-campo ofensivo do gramado, conforme demonstra o seu mapa de chutes ao lado (via Wyscout).

Artilheiro do Red Bull Bragantino na Série A desse ano com 7 gols marcados, Claudinho, assim como todo o elenco do Braga, sofreu com as constantes mudanças no comando técnico da equipe e as variações no modo de jogo do time ao longo da competição, apesar disso, sua sequência de quatro gols nos últimos cinco jogos do torneio nacional dão mostras de algo já conhecido por toda a torcida do clube paulista: a sua qualidade permanece intacta, e pode ser a partir dali que a salvação do rebaixamento virá.

Ao defender, ele se presta a ocupar posições mais baixas no gramado, mesmo que por diversas vezes ele precise deixar o campo ofensivo em velocidade e acompanhar um ponta ou um meia adversário até o final da jogada, ação bem executada graças ao seu bom tempo de reação e disposição defensiva. Quando no ataque, Claudinho busca pressionar minimamente a saída de bola do time rival e condicionar as linhas de passe de modo que consiga diminuir as opções adversárias.

Seu controle de bola é pouco menos do que sublime, e lhe permite carregar o esférico consigo de maneira próxima ao corpo por bons metros do gramado, enquanto decide se a melhor opção é o remate ou um passe criterioso. Em média, são 2.34 assistências para remates por partida, número pouco abaixo de seus 2.47 remates por jogo.

Em situação diferente, Red Bull Bragantino não vai cortar salários dos  jogadores
Buda Mendes/Getty Images

Futuro

Em meio a um calendário ainda mais desequilibrado, essa já é a segunda temporada que Claudinho se mantém no topo, antes na Série B, hoje na elite do país. Sua visibilidade chegou a todos os grandes centros do Brasil, e grandes clubes procuraram o atleta no início da competição.

Independente do destino do Red Bull Bragantino, o de seu camisa 10 deverá ser algo oposto disso, e a sua ida para algum clube grande e que figure entre os sete primeiros colocados do Brasileirão parece ser o melhor destino para ele. Na falta de criatividade que impera em diversos clubes do país, seu estilo de jogo e qualidade certamente marcariam diferenças, independentemente do elenco a ser integrado. A beira de atingir os 24 anos, seu grande pulo na carreira parece estar prestes a acontecer, e não seria nenhum absurdo imaginá-lo como protagonista para, quem sabe, buscar voos maiores até mesmo fora do território nacional.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.